50 iniciativas de empresas que fazem o bem ao mundo durante a pandemia

April 6, 2020

No meio do turbilhão de acontecimentos que estamos vivendo, uma boa notícia: a solidariedade está em alta.

 

Em todo o mundo estamos vendo iniciativas de pessoas físicas, governo e empresas para apoiar aqueles que estão sofrendo com os efeitos do covid-19.

 

Recentemente a Forbes publicou uma lista de 50 empresas que criaram formas de ajudar. Inspire-se com elas:

 

 

 

1. Microsoft: vai continuar pagando os trabalhadores, mesmo aqueles que tiveram horas de trabalho reduzidas.

 

2. Google: criou um fundo para funcionários e fornecedores de quarentena ou que precisarem tirar licença médica por terem sintomas de covid-19. Também liberaram o Hangout Meet para todos os clientes até 1º de julho.

 

3. Loom: tornou sua plataforma de gravação e compartilhamento de vídeos gratuita para professores e alunos de universidades.

 

4. Mark Cuban: anunciou que seus funcionários (incluindo os que trabalham na equipe de basquete Dallas Mavericks) serão reembolsados pelas compras que fizerem de pequenos comerciantes locais e independentes.

 

5. Forbes8: organizou um evento digital gratuito com especialistas que iriam palestrar no SXSW, cancelado este ano.

 

6. Shine Distillery, destilaria de Portland (EUA) começou a fazer e distribuir desinfetante para as mãos, iniciativa parecida com a da Ambev que começou a produzir 1 milhão de unidades de álcool em gel para serem doados aos estados do Brasil.

 

7. Fundação Bárbara Bush: criou um kit de ferramentas de recursos online de alta qualidade para ajudar pais a navegar e estimular a educação e alfabetização em casa. No Brasil, várias empresas do setor de educação estão liberando o acesso grátis a suas plataformas de cursos online.

 

8. Linkedin: abriu 16 de seus cursos de aprendizagem gratuitamente com dicas sobre produtividade, ferramentas para reuniões virtuais e como equilibrar família e trabalho de forma saudável.

 

9. Jamm, uma ferramenta de comunicação audiovisual usada por equipes remotas está sendo oferecida gratuitamente.

 

10. A Adobe está dando aos clientes institucionais do ensino superior e ensino fundamental e médio de seus aplicativos da Creative Cloud a capacidade de solicitar acesso temporário "em casa" para seus alunos e educadores. A gratuidade vale até 31 de maio de 2020.

 

11. Meero, um serviço de transferência de arquivos, oferece transferências gratuitas de arquivos grandes para facilitar o trabalho remoto. 

 

12. O OneDine está oferecendo um sistema gratuito de pagamento por toque e pagamento sem toque para restaurantes durante a crise do COVID-19.

 

13. A Amazon está contratando mais 100.000 trabalhadores e dando aumentos para a equipe atual para lidar com as demandas de coronavírus.

 

14. O chef José Andrés, de Los Angeles, instalou-se na Califórnia no início deste mês para alimentar os hóspedes de navios de cruzeiro em quarentena desde o surto. Andrés anunciou nesta semana que transformará oito de seus restaurantes em Nova York e Washington, DC, em cozinhas comunitárias para aqueles que lutam durante a pandemia.

 

15. A Sweetgreen anunciou que começará a dedicar operações e equipes do Outpost para apoiar “os que estão na linha de frente” (ou seja, trabalhadores de hospitais e pessoal médico), entregando saladas e tigelas gratuitas para hospitais nas cidades em que atua.  

 

16. O CEO da Pizza & Michael, Lastoria, notificou os funcionários na semana passada que a empresa está oferecendo pizzas gratuitas e ilimitadas para eles e suas famílias imediatas, bem como para funcionários de hospitais que mostram identificação. A empresa também está aumentando o pagamento por hora de US$ 1 e 14 dias de “pagamento de saúde e segurança” a funcionários que deram positivo ou que entraram em contato com alguém com coronavírus.  

 

17. Everytable, um café com sede em Los Angeles lançou uma linha de apoio para garantir que todos em seu mercado tenham acesso a refeições saudáveis ​​durante esse período. 

 

18. A Starbucks em parceria com a Lyra Health está oferecendo a seus parceiros atendimento personalizado e confidencial em saúde mental, 20 sessões presenciais ou de vídeo gratuitas, agendamento on-line e acesso a uma rede de provedores de terapeutas e treinadores de saúde mental. 

 

19. UberEats e DoorDash renunciaram suas comissões para parceiros de restaurante independentes, enquanto Postmates lançou um programa piloto para pequenas empresas que renuncia temporariamente taxas de comissão para as empresas na área da baía SF. 

 

20. Dolce & Gabbana anunciou uma parceria com a Universidade Humanitas para financiar um projeto de pesquisa de coronavírus. 

 

21. Giorgio Armani doou US$ 1,43 milhão a quatro hospitais em Roma e Milão, bem como à Agência de Proteção Civil.

 

22. O grupo de luxo francês Kering, dono de marcas como Gucci e Bottega Veneta, doou 2 milhões de euros para ajudar na luta contra o surto de coronavírus. 

 

23. Miuccia Prada e Patrizio Bertelli, CEO da Prada, ajudaram sua região doando duas unidades completas de terapia intensiva e ressuscitação para três hospitais milaneses.

 

24. Alphabet (empresa controladora do Google) criou um fundo COVID-19 para fornecer licença médica a trabalhadores afetados globalmente, incluindo todos os funcionários temporários, contratados e fornecedores. 

 

25. A Amazon acaba de anunciar que oferecerá licença médica remunerada ilimitada durante o próximo mês, mas apenas para aqueles que obtiverem resultados positivos para o COVID-19.

 

26. Apple agora está oferecendo a sua equipe de varejo licença médica ilimitada e remunerada para qualquer pessoa que tenha um sistema de coronavírus.

 

27. O Garden Restaurants (Olive Garden, Longhorn Steakhouse, outros) anunciou uma licença médica paga por todos os seus trabalhadores horistas que atualmente não estão cobertos por uma política corporativa.

 

28. O McDonald's declarou que cobrirá licença médica para qualquer funcionário de empresas pertencentes a empresas que for solicitado a colocar em quarentena por duas semanas.

 

29. O Walmart implantou um programa de Licença de Emergência, que oferece folga para os funcionários, dependendo de vários níveis de ameaça ao coronavírus. 

 

30. A Uber anunciou que fornecerá 14 dias de subsídio por doença para motoristas ou trabalhadores de entrega - contratados independentes que não se qualificaram anteriormente para férias pagas ou benefícios - que estão doentes com o coronavírus ou precisam ser isolados. 

 

31. A Amazon criou um fundo de US$ 25 milhões para ajudar seus motoristas de entrega e trabalhadores sazonais a lidar com o coronavírus e um fundo de US $ 5 milhões para ajudar as pequenas empresas afetadas em Seattle.

 

32. A Amazon e a Microsoft prometeram US $ 2,5 milhões, com a possibilidade de mais, para ajudar os atingidos pela doença em Seattle. 

 

33. Bank of America, Goldman Sachs, Bank of New York Mellon, Citigroup, JP Morgan Chase, Morgan Stanley, State Street e Wells Fargo pararam todas as recompras de ações para o 2º trimestre, a fim de manter a sua solvência e liquidez para os clientes durante o surto. 

 

34. Comcast, Carta, Verizon, Google, T-Mobile e Sprint assinaram um compromisso de manter-conectado à Internet para os próximos 60 dias americanos, mesmo se as pessoas não podem pagar. 

 

35. O CEO da Delta renunciou seu salário do ano para tentar diminuir as demissões. 

 

36. A Disney fechou seus parques e cruzeiros em resposta ao coronavírus. Eles prometeram continuar pagando seus funcionários durante o fechamento e reembolsarão todos aqueles que planejaram visitar o parque.

 

37. Hilton está renunciando as taxas de cancelamento de seus hotéis para pessoas em países infectadas por coronavírus.

 

38. A Salesforce criou um fundo de coronavírus de US$ 1,5 milhão para os cidadãos afetados em San Francisco. 

 

39. O CEO da Southwest Airlines, Gary Kelly, cortou 10% de seu salário como medida preliminar para compensar a diminuição da demanda por voos. 

 

40. A U-Haul anunciou 30 dias de armazenamento gratuito para todos os estudantes universitários que foram impactados por mudanças de horário em suas universidades. 

 

41. O CEO e o Presidente da United disseram que renunciariam a seus salários-base até pelo menos 30 de junho. 

 

42. Workday está dando a seus funcionários 2 semanas adicionais de pagamento para ajudá-los durante as consequências do coronavírus.

 

43. A Apple fechou todas as suas lojas fora da Grande China e será reaberta em várias semanas após uma extensa limpeza profunda. Todos os funcionários serão pagos pela duração do fechamento. 

 

44. Aululemon está fechando todas as suas lojas na América do Norte e Europa pelas próximas duas semanas. Seus funcionários serão pagos por todas as horas em que estavam programados para trabalhar. 

 

45. REI fechou suas lojas temporariamente e todos os seus funcionários serão pagos durante esse fechamento temporário. 

 

46. ​​A Starbucks mudou-se para um modelo "pronto" até o final de março em todas as suas lojas nos EUA e no Canadá. Eles também fecharão lojas em áreas altamente infectadas. 

 

47 .VF Corp está fechando todas as suas lojas até 5 de abril. Todos os seus funcionários continuarão sendo pagos até o fechamento. 

 

48. A LVMH , empresa controladora da Christian Dior, Guerlain e Givenchy, quer ajudar as autoridades de saúde francesas fabricando desinfetante para as mãos gratuitamente. A LVMH disse que utilizará todas as instalações de produção de suas marcas de perfumes e cosméticos para produzir grandes quantidades de gel hidroalcoólico ou desinfetante para as mãos, a partir da segunda-feira.

 

49. NBCUniversal agora está oferecendo seus filmes mais recentes, incluindo The Hunt e The Invisible Man por preços acessíveis sob demanda.

 

50. Restaurantes como o Ideal Bite Community Kitchen estão doando alimentos para organizações como o Cass Community Social Services (CCSS), uma organização sem fins lucrativos que trabalha com comunidades de risco em Detroit.

 

Além dessas, existem muitas outras, como a da Danone que prometeu destinar US$ 250 milhões para socorrer os pequenos negócios de seu ecossistema, ou o Airbnb que anunciou que fornecerá acomodação gratuita para 100.000 profissionais de saúde em todo o mundo.

 

 

Leia também:

 

Coronavírus: qual é o papel do RH diante desta crise?

 

Coronavírus: como usar a inteligência emocional para evitar picos de estresse da sua equipe

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

O preço que você está pagando por suas escolhas está valendo a pena?